Sinais GPS podem ser usados para ataques ciber-eletrônicos

8

Por Alan Oliveira de Sá e Walmor Cristino Leite Junior

Estudos apresentam resultados teóricos e experimentais que demonstram a possibilidade de emprego de sinais GPS (Global Positioning System) maliciosos para realizar ataques ciber-eletrônicos a sistemas integrados de navegação. Esses sistemas apresentam uma forte interação entre seus componentes, conectando diversos sensores e controladores digitais – usados para comandar leme e propulsão – através de sistemas cibernéticos. Os sinais GPS são fundamentais para a operação do sistema integrado. Conforme afirmam os autores, a inexistência de controle de autenticidade e integridade desses sinais torna factível a emissão de sinais falsos, especialmente projetados para prejudicar o funcionamento de sistemas inteligentes de navegação.

Impacto em Segurança e Defesa: A crescente utilização de sistemas cibernéticos a bordo de embarcações militares e civis é uma tendência que não pode ser ignorada. Dessa forma, percebe-se que o risco cibernético associado aos sistemas utilizados a bordo deve ser acompanhado com cautela, considerando-se a possibilidade de os ataques penetrarem por meios não convencionais.

Fonte: BHATTI, J.; HUMPHREYS, T. E. Hostile control of ships via false GPS signals: Demonstration and detection. Navigation: Journal of the Institute of Navigation, v. 64, n. 1, p. 51-66, 2017. Disponível em: https://doi.org/10.1002/navi.183.