Inteligência Artificial foi a primeira a notificar surto de Coronavírus

45

Por Taíza Oliveira e Giselli Nichols

O algoritmo da healthtech canadense BlueDot, baseado em Inteligência Artificial (IA), emitiu aviso de alerta para um surto de Coronavírus em 31 de dezembro de 2019, quase uma semana antes do Centro de Controle de Doenças dos EUA e da OMS. A tecnologia foi capaz de acertar o epicentro e a transmissão da doença com precisão. Este algoritmo analisou notícias de sites, fóruns, blogs e discursos oficiais estrangeiros usando o processamento em linguagem natural e aprendizado de máquina, juntamente com o rastreamento de redes de doenças de animais e plantas e declarações oficiais de governos, em busca de indícios de doenças.

Impacto em Defesa e Segurança: Algoritmos com base em Inteligência Artificial já são uma realidade e demandam criação de políticas de biossegurança e biodefesa. O emprego da IA deverá ocupar cada vez mais lugar em programas e sistemas de análise e detecção de riscos diversos.

Fonte: NIILE, Eric R. An AI Epidemiologist Sent the First Warnings of the Wuhan Virus. WIRED. Disponível em: https://www.wired.com/story/ai-epidemiologist-wuhan-public-health-warnings/.